domingo, 15 de abril de 2012

The Call Of The Faraway Hills


Famoso Western dirigido pelo mestre George Stevens (O Diário de Anne Frank e Assim Caminha a Humanidade), Shane (Aqui no Brasil: Os Brutos Também Amam) foi  lançado em 1953.
É um filme especial recheado de astros e com um elenco maravilhoso com nomes como Alan Ladd, Jean Arthur, Van Heflin, Brandon De Wilde, Jack Palance e Ben Johnson.
O enredo conta a história do misterioso cowboy chamado Shane, recém-chegado a uma região de assentamentos e pequenos sitiantes num vale do Wyoming. Os colonos lutam por seus direitos contra os grandes criadores de gado, que controlam a maior parte da terra, e Shane logo se envolve no conflito. (Wikipédia - Shane).


Curiosidade: Pela qualidade de seu enredo, o filme Shane, baseado na Johnson County War, também conhecida como “War on Powder River” foi selecionado para preservação no Registro Nacional de Cinema dos Estados Unidos pela Biblioteca do Congresso (Library of Congress) como sendo "culturalmente, historicamente ou esteticamente significativo”.
A música tema do filme, chamada The Call Of The Faraway Hills foi escrita e composta por Victor Young e Mack David, e aqui deixo para vocês minha versão para a canção.

Beijos e Abraços a todos e, muito obrigada pelo carinho demonstrado diariamente por todos vocês, seja comentando, seguindo ou simplesmente visitando.

Suzane Weck



Clique para ouvir: Suzane Weck - The Call Of The Faraway Hills

38 comentários:

  1. Muito bom mesmo!
    Gostei.
    Um grande bj

    ResponderExcluir
  2. É terrível isto: estou dependente de tua voz. Fico esperando, imaginando o que virá... Eu sei que virão sempre pérolas!
    Obrigado. Boa semana.
    Gilson.

    ResponderExcluir
  3. Um grande clássico do cinema que eu preciso ver urgentemente... O título nacional é belíssimo.

    ResponderExcluir
  4. Estos clásicos de cine me encantan y con tu voz más, aún.
    Preciosa Versión, que me traslada en el Tiempo.
    Un abrazo, Suzan.

    ResponderExcluir
  5. La tengo pero todavía no la he visto, pues ahora bajo muchas películas clásicas.
    Un abrazo

    ResponderExcluir
  6. Grande Faroeste, um de meus preferidos,Grande interpretação sua nessa belíssima canção, mais uma bela interpretação...

    Adorei a montagem, você ficou ótima nos figurinos de Alan Ladd, rsrsrsrsrs

    Visite meu Blog e leia meu último Post, um pouco diferente dos posts habituais...

    Grande Abraço

    ResponderExcluir
  7. qué bien lo haces, uno se entusiasma
    saludos

    ResponderExcluir
  8. Bom...pelo que estou vendo, parece que todo mundo, sempre fica à espera de suas postagens para ouvir mais uma linda música...acho que também vou engrossar esse público!!
    Abraços
    Lhú Weiss

    ResponderExcluir
  9. Adorava ver esses filmes de mocinhos e bandidos e também de indios, nossa..como gostava. Então, quando ia nas matinés era pura emoção. Quanto a música nem vou comentar, sempre cantada maravilhosamente. Beijos minha querida amiga, até. Suzana

    ResponderExcluir
  10. Minha amiga Su, Shane faz parte não somente do clássico do cinema mundial, mas também folclore na cultura norte-americana porque esta recheada de histórias por traz desta película de George Stevens, um dos maiores cineastas de todos os tempos.

    A trilha sonora foi composta por Victor Young, que poucos anos antes compôs a trilha de SANSÃO E DALILA, de Cecil B. DeMille, estrelado por Victor Mature e Hedy Lamarr, a famosa "Canção de Dalila". Iria compor para OS DEZ MANDAMENTOS do mesmo cineasta, mas veio a adoecer e pouco tempo depois, faleceu, em 1956. Foi um dos Mestres Geniais dos soundtrack.

    Um saudoso crítico nosso, Paulo Perdigão, que não sei se lembras, era um aficionado (ou talvez fanático) por este western estrelado por Alan Ladd. Se gabava em dizer que assistiu este clássico mais de duzentas vezes e escreveu um livro sobre sua admiração, tanto que entrevistou o diretor, George Stevens, em duas ocasiões, e quando voltou para o Brasil teve problemas com a alfandega no aeroporto aqui do Rio de Janeiro, pois tinha trazido restos dos cenários desta grande obra rodada no Wyoming, EUA. Mas acabou ficando com tudo que trouxe, convencendo o pessoal que era um "trabalho arqueológico", o que de fato não deixou de ser, rs.

    Grande lembrança, e como sempre, com uma pitada de seu sublime talento.

    Um forte abraço minha erudita amiga.

    Paulo Néry
    Filmes Antigos Club Artigos
    http://articlesfilmesantigosclub.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Hola Suzane,
    Gracias por siempre compartir con nosotros tanta informacion interesante.
    Un abrazo

    ResponderExcluir
  12. Suze, que feliz escolha!
    Esta lindíssima música me remete à cena final, quando o pistoleiro cavalga para as montanhas de Montana, enquanto a voz do garoto ecoa pelo vale, chamando-o de volta...
    Um filme clássico, que volta e meia eu assisto de novo e me emociono da mesma forma...
    Mas, no cartaz, você está parecendo mesmo é...a June Allison, que não atua neste filme!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  13. Ciao Suzane, ho visto questo film, ma non mi ricordo bene come si intitolava in italiano. Forse "L'uomo della valle perduta" od una cosa simile. Vedo comunque che tutti i film da tescelti sono stati dei successi internazionali. Un caro saluto.

    ResponderExcluir
  14. Boa noite, Suzane

    Adorei ouvi-la e apreciei bastante este clássico do cinema.

    Obrigada por me seguir.

    :)

    Olinda

    ResponderExcluir
  15. hola soy marivel...gracias por tu visita y desarte una feliz dia y me encanto tu bloc por lo eslegido que esta ..gracias

    ResponderExcluir
  16. Hi Suzanne, I love that music! Thank you for visiting my blog and following me - I am honoured.

    ResponderExcluir
  17. Oi, Suzanne. Parabéns pela postagem. Ouví-la, aqui, é sempre um prazer. Bela voz, amiga. Um abraço...

    ResponderExcluir
  18. Olá Suzane, obrigada por sua tão carinhosa visita em minhas varandas, fico sempre muito feliz! Parabéns pelo excelente blog...adorei suas postagens! Um abraço...

    ResponderExcluir
  19. See the dog, looking at something else to the other side...
    ;-)
    s.

    ResponderExcluir
  20. Suzane:
    Muchas gracias por tu visita a mi blog.
    Debido a ello, ahora yo tengo el enorme placer de visitar el tuyo, donde conviven el recuerdo de hermosas películas y tu interpretación tan hermosa.
    Me gustó mucho lo que leí y lo que escuché, de modo que me verás por aquí seguido, ya que me gusta el cine clásico y las lindas canciones, que interpretas con gran sentimiento y maestría.
    Un muy cordial saludo, Suzane.

    ResponderExcluir
  21. Amiga Su, imagine se consideraríamos um atrevimento vc cantar esta música, pois vc prestou uma homenagem não somente a este grande clássico, como também ao eterno Victor Young, um dos grandes mestres musicais da Sétima Arte. Onde quer que Young esteja, ele deverá estar orgulhoso e feliz com este seu incentivo, minha nobre amiga.

    Ken Curtis foi cantor e ator, geralmente da trupe de John Ford e atuou no grande clássico do Mestre RASTROS DE ÓDIO (onde tem uma cena em que ele canta para Vera Miles), mas ele não atuou em Shane. Esta obra foi realizada em 1956 e estrelada por John Wayne, Jeffrey Hunter, e Natalie Wood.

    O Paulo Perdigão era fã ardoroso de Shane. Tem bastante história dele, e sugiro este link no meu espaço para vc conhecer mais sobre este nobre brasileiro, que apesar de seu fanatismo um tanto exagerado pelo clássico, foi sem dúvida um dos grandes tributos para a cultura nacional:

    Paulo Perdigão: Tributo a um Crítico de Cinema Brasileiro

    LINK: http://articlesfilmesantigosclub.blogspot.com.br/2010/07/paulo-perdigao-tributo-um-critico-de.html

    Um forte abraço minha amiga, e continue sempre com este trabalho lindo em seu espaço.

    Paulo Néry
    Filmes Antigos Club Artigos
    http://articlesfilmesantigosclub.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  22. gracias linda amiga por tu visita
    muchas gracias
    espero volver besitos

    ResponderExcluir
  23. Quero agradecer sua amável visita e valioso comentário no meu blog,fiquei feliz de te conhecer, especialmente seu blog que é de uma riqueza. Este clássico do cinema tem uma das cenas mais tocante que já vi, a música e o garotinho chamando, transcende a emoção. Lindo demais! Adorei tudo que vi, parabéns!
    Bjs e luz!
    Ah, quanto "As verdades de ser mãe" ainda está no mundo das idéias...

    ResponderExcluir
  24. Nossa! Percebi agora que é você que canta, Linda voz, adorei! Parabéns mesmo!! bjs

    ResponderExcluir
  25. Lindíssimo! Linda voz e blog maravilhoso!
    Abraços,
    Mariangela

    ResponderExcluir
  26. Adoro filmes de Western, filmes de Cowboys como dizíamos quando crianças. O Alan Ladd era um gato, né não?
    Sua presença no meu Chocolate é um prazer e me honra muito. Espero que apareça sempre.
    Quanto a mim já to seguindo pra não perder nenhuma dica.
    Beijokas e meu carinho.

    ResponderExcluir
  27. Amiga Suzane,
    Seu conhecimento sobre a cinema é admirável.
    Obrigado por resgatar a história deste filme para nos apresentar!

    Abraços do novo amigo!

    ResponderExcluir
  28. Continuo a gostar de ver estes filmes.
    Encantam pelas personagens e paisagens.
    São ainda uma critica social aos possuidores da terra não deixando que os outros possam viver em paz e criarem laços de bons vizinhos.

    ResponderExcluir
  29. Esqueci-me no comentário anterior de lhe dizer que a última Páscoa não tem nada a ver com o pantufas.
    Um cão é bom amigo mas podemos arranjar outros que o substituam.
    O meu pai é insubstituível.
    Ontem foi o oitavo aniversário da sua morte.

    ResponderExcluir
  30. Thanks for nice comment on my blog!
    You have a lovely blog!
    Have a great Saturday!

    ResponderExcluir
  31. Obrigada pelas suas palavras, voltarei com mais tempo, parabens pelo seu blogue.

    Até breve

    ResponderExcluir
  32. Susane! Fiquei encantada com sua voz...seu trabalho é maravilhoso.
    Adorei o teu blog ...estou te seguindo.
    beijos
    vera portella

    ResponderExcluir
  33. I'm having a Suze Musical Evening and going back listening to songs I have missed! It is delightful to be doing so. Thank you for sharing your talent with us :D)

    ResponderExcluir
  34. The Call Of The Faraway Hills foi escrita e composta por Victor Young e Mack David,do filme SHANE:cantada por Suzane Weck, brasileira

    ResponderExcluir